Você está aqui
  1. Exercícios
  2. Exercícios de Química
  3. Exercícios sobre íons

Exercícios sobre íons

Estes exercícios sobre íons abordam a determinação do número de elétrons nos átomos que perdem (cátions) ou ganham (ânions) elétrons.

Questão 1

(IFSP) O elemento químico Mg (magnésio), de número atômico 12, é um micronutriente indispensável para a realização de fotossíntese, sob a forma de íons Mg2+. Pode-se afirmar que o número de prótons e o número de elétrons presentes no íon Mg2+ são, respectivamente,

a) 2 e 2.

b) 2 e 10.

c) 10 e 10.

d) 10 e 12.

e) 12 e 10.

ver resposta


Questão 2

(Unicastelo-SP)

Lítio (do grego lithos – pedra)

Foi descoberto por Johan August Arfwedson em 1817, no desenvolvimento de um processo de análise do mineral de fórmula LiAl(Si2O6). Posteriormente, descobriu-se lítio em outros minerais. Em 1818, G. Gmelin percebeu que os sais de lítio quando queimavam produziam chama vermelho-brilhante. O elemento lítio aparece em algumas águas minerais e em minerais como a lepidolita, o espodumênio, a petalita e outros. O isótopo natural 6Li corresponde a 7,5% do total de lítio na natureza.

Na forma metálica, reage violentamente com a água, produzindo hidróxido de lítio, LiOH, liberando o gás hidrogênio, que é totalmente inflamável.

O lítio é usado há mais de 140 anos na medicina como antidepressivo e antirreumático. O carbonato de lítio (Li2CO3) é o princípio ativo de remédios para controle da psicose maníacodepressiva (PMD). O tratamento com sais de lítio é denominado litioterapia.

As pilhas de lítio recarregáveis são leves e oferecem alta densidade de carga. Utiliza-se a de lítio-iodo em marca-passos. (Delmo Santiago Vaitsman et al. Para que servem os elementos químicos, 2001. Adaptado.)

Em todos os compostos de lítio indicados no texto, esse elemento encontra-se sob a forma de:

a) cátion monovalente.

b) átomo neutro.

c) ânion bivalente.

d) ânion monovalente.

e) cátion bivalente.

ver resposta


Questão 3

Os íons Ba+2 e I–1 apresentam em comum o fato de que ambos:

a) possuem o mesmo número atômico.

b) possuem a mesma massa atômica.

c) foram produzidos pela perda de elétrons a partir do estado fundamental do átomo de cada um dos elementos químicos citados.

d) possuem o mesmo número de elétrons.

e) foram produzidos pelo ganho de elétrons a partir do estado fundamental do átomo de cada um dos elementos químicos citados.

ver resposta


Questão 4

(Udesc) Um íon de carga +2 possui 33 elétrons. O seu número de nêutrons é duas unidades maior que o número de prótons. O número de massa do elemento correspondente será:

a) 37

b) 33

c) 35

d) 72

e) 31

ver resposta


Questão 5

O símbolo para o íon cálcio, Zn2+, indica que:

I. é um cátion;

II. possui dois prótons a mais que o respectivo átomo neutro;

III. ganhou dois elétrons em relação ao átomo neutro;

Assinale a alternativa que indica as afirmações corretas:

a) I.

b) II.

c) III.

d) I e II.

e) II e III.

ver resposta


Questão 6

O ânion fluoreto (F–1), o neônio (Ne) e o cátion sódio (Na+1) têm em comum o mesmo número:

a) de prótons.

b) atômico.

c) de nêutrons.

d) de massa.

e) de elétrons.

ver resposta



Respostas

Resposta Questão 1

Letra e). Em um íon, o único fator que sofre alteração em decorrência da carga é o número de elétrons. Assim, no 12Mg+2, o número de prótons será 12 (por causa do número atômico) e o número de elétrons será 10 (porque a carga +2 indica a perda de dois elétrons).

voltar a questão


Resposta Questão 2

Letra a). O Lítio está localizado na família dos metais alcalinos (IA); por isso, possui apenas um elétron na camada de valência. Por ser um metal, tende a perder elétrons, mas perderá apenas um por ser essa a quantidade de elétrons em sua camada de valência. Portanto, ele é um cátion monovalente.

voltar a questão


Resposta Questão 3

Letra d).

A letra “a” está incorreta porque elementos químicos diferentes jamais apresentam o mesmo número atômico.

A letra “b” está incorreta porque, analisando a Tabela Periódica, a massa atômica do iodo é 126,90 u, e a massa atômica do Bário é 137,33 u.

As letras “c” e “e” estão incorretas porque ambas afirmam que os dois íons foram originados pelo mesmo procedimento. Isso não procede porque o Ba+2 é um cátion e, por isso, perde elétrons. Já o I-1 é um ânion, tendo como característica o ganho de elétrons.

A letra “d” está correta porque, analisando os íons dados e buscando os elementos na tabela, sabemos que:

56Ba+2 (possui número atômico 56, mas sua carga +2 indica que ele perdeu dois elétrons e, por isso, apresenta 54 elétrons);

53I–1 (possui número atômico 53, mas sua carga -1 indica que ele ganhou um elétron e, por isso, apresenta 54 elétrons).

voltar a questão


Resposta Questão 4

Letra d). Os dados fornecidos foram:

  • íon de carga +2 = X+2

  • possui 33 elétrons

  • n = 2 + p

Como a questão já forneceu o número de elétrons (33), quer dizer que a perda de dois elétrons (+2) já ocorreu. Sendo assim, para determinar o número atômico ou o número de prótons, basta somar o número de elétrons com os que ele perdeu:

Z = 33 + 2

Z = 35

Como o número de nêutrons é duas unidades maior que o número de prótons:

n = 2 + 35

n = 37

Como o exercício pede o número de massa, utilizaremos a expressão:

A = p + n

A = 35 + 37

A = 72

voltar a questão


Resposta Questão 5

Letra a). Como o Zn+2 apresenta carga positiva, ele é um cátion (item I correto). Todavia, o +2 indica que ele perdeu dois elétrons, logo, seu número atômico e o seu número de prótons não sofrem alteração (itens II e III falsos).

voltar a questão


Resposta Questão 6

Letra e). Analisando a Tabela Periódica, observamos que 9F19, 10Ne20 e 11Na23 apresentam números atômicos (números de prótons) e de massa diferentes; logo, as alternativas “a”, “b” e “d” estão incorretas. Eles não apresentam o mesmo número de nêutrons, com exceção do F e do Ne. Veja:

F = 19 - 9 = 10 nêutrons

Ne = 20 – 10 = 10 nêutrons

Na = 23 – 11 = 12 nêutrons

Em relação ao número de elétrons, eles se equivalem, pois o flúor é um ânion monovalente (9F-1, seu número de elétrons é maior do que o número atômico) e o sódio é um cátion monovalente (11Na+1, perde um elétron em relação ao seu número atômico)

9F-1 = 10 elétrons

10Ne = 10 elétrons

11Na+1 = 10 elétrons

voltar a questão


Artigo relacionado
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
Assista às nossas videoaulas