Você está aqui
  1. Exercícios
  2. Exercícios de História do Brasil
  3. Exercícios sobre o Governo Provisório de Vargas

Exercícios sobre o Governo Provisório de Vargas

Com estes exercícios, você pode avaliar seus conhecimentos sobre os primeiros anos de Getúlio Vargas na presidência do Brasil, os quais ficaram conhecidos como Governo Provisório.

Questão 1

A subida de Vargas para o poder do Brasil foi o resultado final da Revolução de 1930, responsável também pela destituição de Washington Luís e pelo impedimento da posse de Júlio Prestes. A Revolução de 1930 uniu as dissidências oligárquicas que se opunham aos paulistas e contou com adesão dos tenentistas. Foi iniciada em 3 de outubro de 1930 e teve como estopim:

a) O fechamento do Clube Militar por Epitácio Pessoa em decorrência da crise existente entre os militares e Artur Bernardes.

b) O assassinato de João Pessoa, vice da chapa eleitoral de Getúlio Vargas.

c) a criação do Instituto do Café do Estado de São Paulo por Washington Luís, o que desagradou aos tenentistas, defensores da industrialização.

d) A proibição por parte do governo da comemoração realizada pelos tenentistas de seis anos da Revolta Paulista de 1924.

e) A adesão de Luís Carlos Prestes à Aliança Liberal.

ver resposta


Questão 2

O Governo Provisório é o período da Era Vargas que se iniciou em 1930 e estendeu-se até 1934. A respeito desse período da Era Vargas, selecione a alternativa incorreta:

a) Vargas tomou uma série de medidas centralizadoras, como o fechamento do Congresso Nacional.

b) Para conter a insatisfação dos constitucionalistas, foi promulgado um novo Código Eleitoral em 1932.

c) Os paulistas rebelaram-se em 1932 contra a nomeação de Armando Salles para a interventoria do estado de São Paulo.

d) Para melhorar as medidas tomadas contra a crise que afetava o setor cafeeiro, foi criado o Conselho Nacional do Café.

e) A Constituição de 1934 foi feita nos moldes da Constituição alemã e reduzia os poderes do Executivo.

ver resposta


Questão 3

Em 1932, foi promulgado um novo Código Eleitoral para o Brasil com o objetivo de controlar a insatisfação dos constitucionalistas, sobretudo os paulistas. Esse código é considerado inovador na história do Brasil porque:

a) determinou que o mandato presidencial seria de seis anos com direito a uma reeleição.

b) garantiu que o voto não seria mais obrigatório.

c) instituiu a possibilidade de coligações partidárias no Brasil.

d) concedeu direito de voto para as mulheres maiores de 21 anos.

e) acabou com a Justiça Eleitoral, que havia sido criada em 1898.

ver resposta


Questão 4

A Revolução Constitucionalista de 1932 é considerada como uma reação do estado de São Paulo por causa de todo o poder que havia perdido, politicamente falando, desde a Revolução de 1930. A respeito da Revolução Constitucionalista de 1932, selecione a alternativa correta:

a) Uma das principais exigências dos paulistas era a nomeação de um “paulista e civil” para a interventoria do estado.

b) Exigiam a criação do Conselho Nacional do Café.

c) Contaram com o apoio de mineiros e gaúchos durante os meses de luta.

d) Após serem derrotados, tiveram de amargar a recusa de Vargas em atender suas exigências.

e) Com o início da revolta, Armando Salles foi preso e expulso do estado durante as negociações de paz realizadas com o governo.

ver resposta



Respostas

Resposta Questão 1

LETRA B

O estopim que levou ao início da Revolução de 1930 foi o assassinato de João Pessoa, vice de Getúlio Vargas, em uma confeitaria na cidade de Recife. O assassino foi João Dantas, um político da Paraíba que tinha uma rixa com João Pessoa, motivada por questões da política regional paraibana e por questões passionais (cartas amorosas de João Dantas haviam sido expostas por João Pessoa).

voltar a questão


Resposta Questão 2

LETRA C

Armando Salles, na verdade, foi nomeado interventor de São Paulo depois da Revolução Constitucionalista de 1932 e foi uma resposta de Vargas aos pedidos dos paulistas que exigiam um “paulista e civil” na interventoria do estado. Armando Salles foi interventor de São Paulo entre 1933-1935 e governador entre 1935-1936.

voltar a questão


Resposta Questão 3

LETRA D

O Código Eleitoral de 1932 foi considerado um grande avanço para o sistema eleitoral brasileiro, uma vez que dele surgiu a Justiça Eleitoral, instituição que se tornou a responsável por organizar as eleições no país. Desse código, o grande destaque, porém, é a concessão do direito ao voto para as mulheres a partir de 21 anos. As mulheres, além de poder votar, também receberam o direito de se candidatar.

voltar a questão


Resposta Questão 4

LETRA A

Os paulistas possuíam uma série de insatisfações com o governo varguista – em geral, em resposta à perda de poder do estado desde 1930. De toda forma, uma das exigências incluía a questão dos interventores do estado. Os paulistas exigiam um “paulista e civil”, o que até então o governo não havia feito. Entre 1930 e o início da revolta, São Paulo teve quatro interventores diferentes.

voltar a questão


Artigo relacionado
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas