Você está aqui Exercícios Exercícios de Literatura Exercícios sobre o momento histórico da primeira fase do modernismo no Brasil

Exercícios sobre o momento histórico da primeira fase do modernismo no Brasil

Com estes exercícios, é possível avaliar seus conhecimentos sobre o momento histórico da primeira fase do modernismo no Brasil.

  • Questão 1

    (IFBA - 2017) Leia o texto abaixo e analise as alternativas a seguir acerca do Modernismo, assinalando (V) para o que for VERDADEIRO e (F) para o que for FALSO.

    “O que a crítica chama de Modernismo está condicionado por um acontecimento, isto é, por algo datado, público e clamoroso, que se impôs à atenção da nossa inteligência como um divisor de águas: A Semana de Arte Moderna, realizada em fevereiro de 1922, na cidade de São Paulo. Como os promotores da Semana traziam, de fato, ideias estéticas originais em relação às nossas últimas correntes literárias, já em agonia, o Parnasianismo e o Simbolismo, pareceu aos historiadores da cultura brasileira que modernista fosse adjetivo bastante para definir o estilo dos novos, e Modernismo tudo o que se viesse a escrever sob o signo de 22. Os termos, contudo, são tão polivalentes que acabam não dizendo muito, a não ser que determinem, por trás da sua vaguidade:

    a) as situações socioculturais que marcaram a vida brasileira desde o começo do século;

    b) as correntes de vanguarda europeias que, já antes da I Guerra, tinham radicalizado e transfigurado a herança do Realismo e do Decadentismo.

    Pela análise das primeiras entende-se o porquê de ter sido São Paulo o núcleo irradiador do Modernismo; as instâncias ora nacionalistas, ora cosmopolitas do movimento; as duas faces ideologicamente conflitantes. Graças ao conhecimento das vanguardas europeias, podemos situar com mais clareza as opções estéticas da Semana e a evolução dos escritores que dela participaram”.

    Fonte: BOSI, Alfredo. História concisa da literatura brasileira. 49. ed, São Paulo, Cultrix, 2013. p. 323.

    (  ) O Modernismo foi lançado por um grupo de intelectuais da burguesia culta, paulista e mineira, que gozavam de condições especiais, como viagens à Europa, acesso a concertos e exposições de arte.

    (  ) Trazendo elementos plásticos pós-impressionistas (cubistas e expressionistas), a exposição de Anita Malfatti, em dezembro de 1917, foi extremamente elogiada no artigo “Paranoia ou Mistificação?”, de Monteiro Lobato.

    (  ) Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Manuel Bandeira, Menotti del Picchia, Plínio Salgado, Sérgio Milliet e Paulo Prado são autores do Modernismo.

    (  ) A Semana de Arte Moderna (1922) foi, simultaneamente, o ponto de encontro de várias tendências que desde a Primeira Guerra Mundial vinham se firmando em São Paulo e no Rio de Janeiro, e a plataforma que permitiu a consolidação de grupos, a publicação de livros, revistas e manifestos, o que a tornou uma viva realidade cultural.

    (  ) Futurismo, dadaísmo, surrealismo, cubismo e expressionismo são exemplos das vanguardas europeias que influenciaram o Modernismo.

    (  ) O termo “modernista” veio a caracterizar um código novo, diferente do Parnasianismo e do Simbolismo; já o termo “Moderno” inclui fatores relativos à mensagem, como motivos e temas. Assim, nem tudo que antecipa traços modernos será modernista; e nem tudo que foi modernista parecerá, hoje, moderno.

    a) V, F, V, V, F, V.

    b) F, F, V, V, V, V.

    c) V, F, F, V, V, V.

    d) F, V, F, F, F, F.

    e) V, V, V, F, V, F.

    ver resposta



  • Questão 2

    Sabe-se que a semana de arte moderna foi o divisor de águas em nossa cultura. Sobre o momento histórico da primeira fase desse período literário, é correto afirmar:

    a) (  ) A Revolução de 1930, a vinda de imigrantes para a substituição da mão de obra escrava no Brasil e a criação do Partido Comunista Brasileiro foram alguns fatos históricos que marcaram o primeiro período modernista no país.

    b) (  ) A publicação da obra Memórias Póstomas de Brás Cubas durante a Semana de Arte Moderna foi um marco do primeiro período modernista.

    c) (  ) Nesse primeiro período modernista, certas mudanças proporcionaram o surgimento de novas ideias, sendo duas destas: o Centenário da Indepêndencia e a Guerra mundial (1914-1918).

    d) (  ) Essa primeira fase é marcada também pelo Golpe Militar em 1964.

    ver resposta


  • Questão 3

    (UFPR 2012) "A ambição do grupo [modernista] era grande: educar o Brasil, curá-lo do analfabetismo letrado, e, sobretudo, pesquisar uma maneira nova de expressão, compatível com o tempo do cinema, do telégrafo sem fio, das travessias aéreas intercontinentais".

    (Boaventura, M. E. A Semana de Arte Moderna e a Crítica Contemporânea: vanguarda e modernidade nas artes brasileiras. Conferência - IEL-Unicamp, 2005, p.5-6. Fonte: http://www.iar.unicamp.br/dap/vanguarda/artigos.html).

    Conforme o trecho acima e os conhecimentos sobre a Semana de Arte Moderna de 1922 e o modernismo brasileiro subsequente, é correto afirmar:

    a) (  ) A Semana de 1922 marcou o modernismo inspirado em vanguardas europeias, buscando uma nova arte com uma identidade brasileira experimental, miscigenada, antropofágica e cosmopolita. O movimento ceIebrava o progresso da nação, simbolizado pelo desenvolvimento da cidade de São Paulo.

    b) (  ) A Semana foi o grande marco da arte moderna brasileira, caracterizando-se pela busca por uma imitação do surrealismo e do cubismo, realizada por acadêmicos em constante contato com os artistas europeus.

    c) (  ) A Semana de 1922 somou-se ao regionalismo nordestino para mostrar as raízes da cultura brasileira, recusando qualquer interferência da arte estrangeira. Os modernistas fizeram, com isso, uma forte crítica à modernização e alfabetização brasileira.

    d) (  ) Monteiro Lobato e Mário de Andrade lideraram a Semana de 1922, que teve o intuito de aliar as produções mais recentes no campo da música, literatura e artes plásticas futuristas com as obras tradicionalistas da arte brasileira.

    e) (  ) Os modernistas passaram a se organizar, depois da Semana de 1922, para efetivar uma arte revolucionária nos moldes do realismo soviético, pois acreditavam na conscientização da população para uma mudança no poder.

    ver resposta


  • Questão 4

    No ano de 1929 vários burgueses foram à falência devido a queda da bolsa de valores de Nova Iorque. Havia, também nesse período, um movimento no Rio Grande do Sul que tinha como objetivo lutar em prol dos ideais comunistas e ir contra as oligarquias rurais brasileiras. Como ficou conhecido esse movimento?

    a) Semana de Arte Moderna

    b) Movimento Pau-Brasil

    c) Antropofagia

    d) Verde-amarelismo

    e) Coluna Prestes

    ver resposta


Respostas

Artigo relacionado
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas