Você está aqui Exercícios Exercícios de História da América Exercícios sobre Administração Colonial Espanhola

Exercícios sobre Administração Colonial Espanhola

Ao resolver exercícios sobre Administração Colonial Espanhola, é possível averiguar seus conhecimentos sobre o período de montagem do sistema colonial espanhol na América.

  • Questão 1

    (Pucsp) América Hispânica e América Portuguesa, futuro Brasil, viveram processos históricos parecidos, mas não idênticos, do final do século XV até a primeira metade do XIX.

    A(s) questão(ões) a seguir discutem essas semelhanças e diferenças.

    Quanto à conquista da América por espanhóis e portugueses, na passagem do século XV ao XVI, pode-se dizer que:

    a) no caso português o objetivo principal era buscar minérios e produtos agrícolas para abastecer o mercado europeu e no caso espanhol pretendia-se apenas povoar os novos territórios e ampliar os limites do mundo conhecido.

    b) nos dois casos ocorreram encontros com vastas comunidades indígenas nativas, porém na América Portuguesa a relação foi racional, harmoniosa e humana, resultando num povo pacífico, e na América Hispânica foi violenta e conflituosa.

    c) no caso português foi casual, pois os navegadores buscavam novas rotas de navegação para as Índias e desconheciam a América e no caso espanhol foi intencional, porque o conhecimento de instrumentos de navegação lhes permitiu prever a descoberta.

    d) nos dois casos foi violenta, porém na América Portuguesa o extrativismo dos dois primeiros séculos de colonização restringiu os contatos com os nativos e na América Hispânica a implantação precoce da agricultura provocou maior aproximação.

    e) no caso português foi precedida por conquistas no norte e no litoral da África, que resultaram em colônias portuguesas nesse continente, e no caso espanhol iniciou a constituição de seu império ultramarino.

    ver resposta



  • Questão 2

    (FGV/RJ) Sobre as universidades na América colonial, é possível afirmar que:

    a) as Coroas portuguesa e espanhola, preocupadas desde o início do período colonial com a questão da educação, criaram universidades já no século XVI.

    b) no Brasil não foram criadas universidades no período colonial, e na América Espanhola elas tiveram apenas existência efêmera, não havendo real interesse em sua manutenção.

    c) as Coroas portuguesa e espanhola, envolvidas com a implantação de um sistema de exploração, não cuidaram da criação de universidades em suas colônias.

    d) assim como Salamanca serviu de modelo para a organização das universidades da América Espanhola, Coimbra foi modelo no Brasil e em Goa, na Índia.

    e) enquanto no Brasil não foram criadas universidades no período colonial, na América Espanhola, já no século XVI, foram fundadas a universidade de São Marcos de Lima e a do México.

    ver resposta


  • Questão 3

    Na estrutura administrativa montada pela coroa espanhola, cabia ao encomendero:

    a) assegurar a instrução religiosa (cristã) aos nativos, bem como a utilização da mão de obra escrava deles nas atividades econômicas da colônia, como a agricultura e a extração de metais.

    b) garantir o monopólio dos criollos (descendentes de espanhóis nascidos na colônia) sobre o excedente colonial, impedindo que a coroa espanhola de participasse dos lucros.

    c) garantir a iniciativa dos jesuítas europeus de protegerem os índios do trabalho escravo e dos abusos da autoridade civil espanhola.

    d) iniciar o processo de industrialização das colônias espanholas nas regiões do México e da Península de Yucatã.

    e) Encomendar produtos do Extremo Oriente (China e Índia).

    ver resposta


  • Questão 4

    Leia o texto a seguir: “A primeira colonização foi feita por um punhado de homens. Na Espanha, desde o início, a emigração era controlada pela Casa de Contratación: precisava-se de uma licença para se instalar na América, só os súditos da Coroa de Castela podiam consegui-la – os conversos de origem judaica estavam excluídos. [...]”. (FERRO, Marc. História das colonizações: das conquistas às independências – séculos XIII a XX. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.)

    Qual era a função da Casa de Contratación no sistema administrativo da Coroa Espanhola?

    a) Tinha a função de contratar mercenários de várias regiões do mundo para combater corsários e piratas que pilhavam os navios espanhóis.

    b) Tinha a função de controlar e administrar todo o fluxo de mercadorias que iam das colônias para a metrópole (Espanha) e preparar e orientar os navegadores que serviriam à Coroa.

    c) Tinha a função de perseguir, prender e executar a pena capital contra os judeus espanhóis.

    d) Tinha a função de administrar o patrimônio cultural dos astecas, maias e incas.

    e) Tinha a função de contratar africanos islamizados para trabalharem na extração de metais nas colônias americanas.

    ver resposta


Respostas

  • Resposta Questão 1

    Letra E

    A Coroa Espanhola conseguir estabelecer uma conquista efetiva e uma montagem de seu sistema administrativo colonial de forma mais rápida e mais eficaz que a Coroa Portuguesa. Portugal só passou a efetivar seu processo de colonização a partir da década de 1530.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 2

    Letra E

    Na América espanhola, a criação das universidades e a preocupação com a formação de uma elite intelectual desde o início da colonização refletiram as nuances de um projeto civilizacional bem diferente do português.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 3

    Letra A

    O encomendero, como o nome indica, era o responsável pela encomienda, isto é, o arrendamento de terras concedido pela Coroa Espanhola a quem estivesse apto a administrá-las e fazê-las produzir bens. Cabia, portanto, ao encomendero garantir a extração de metais e a produção agrícola a partir do uso da mão de obra compulsória dos nativos. Para tanto, o processo de cristianização dos povos nativos também se tornou fundamental nesse contexto.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 4

    Letra B

    A Casa de Contratação, situada em Sevilla, Espanha, possuía um sistema de administração e controle das mercadorias que chegavam das colônias e de outras regiões do mundo. Sua função era semelhante às das alfândegas contemporâneas. Além disso, era também nos domínios da Casa de Contratação que se transmitia o conjunto de saberes e de experiências náuticas aos navegadores que zarpariam para as colônias em contrato com a metrópole.

    voltar a questão


Artigo relacionado
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas